O Segredo Para Progredir é Dar o Primeiro Passo

Dizem alguns familiares que eu não deveria trabalhar só com ilustração. 🙂 Eles acham curioso e engraçado quando estou incentivando alguém a seguir um sonho. Brincam: “você deveria trabalhar com isso, porque você gosta muito de motivar os outros”.


E é verdade. Desde muito nova, eu sempre gostei de incentivar as pessoas a correrem atrás do seu sonho. E na verdade, eu acho que todo mundo tem um propósito no mundo.

Quando somos crianças, todo mundo pergunta pra gente o que vamos ser quando crescer. E infelizmente, muitos esquecem disso. A correria do dia a dia, o namoro, o casamento, os filhos, a busca por um emprego seguro, a compra da casa, a faculdade que vai levar a uma profissão dá dinheiro… tudo isso acaba atropelando o que gostaríamos de ter feito. Muitas pessoas chegam à velhice sem ter realizado muitos sonhos, e muitas outras ficam pensando: um dia eu faço. Só que a vida vai passando e acabamos deixando de ‘curtir a jornada’, prorrogando os nossos sonhos e objetivos.


Se você for perguntar para as pessoas, a maioria dirá que não trabalha com o que gostaria. Alguns queriam ser astronautas, outras queriam ser bailarinas, e outros, artistas e ilustradores… Infelizmente, nem todos conseguem chegar a um sonho, e não é por culpa deles. O mundo é um lugar concorrido e nem sempre tem vaga para tantas pessoas de uma mesma profissão. Porém, há profissões que, mesmo com o mercado concorrido, independem de vagas. E é o caso do ilustrador freelancer ou, como gosto de definir, ilustrador empreendedor. Qualquer pessoa pode ser ilustrador, independentemente da idade, ou se acha que já passou o tempo, ou se não conhece o que é necessário para tal. Para isso, há que se planejar e, muito importante, entrar em ação. O segredo para progredir é dar o primeiro passo.


Não basta somente o planejamento. Devemos definir metas SMART. Smart, que quer dizer inteligente em inglês, é um acrônimo para as seguintes palavras: Specific, Measurable, Attainable, Realistic e Time-bound.


Specific (Específico) – a meta que você vai definir tem que ser específica.


Geralmente se pergunta: O quê? Quem? Quando? Como? Por quê?


Por exemplo: O que eu quero conseguir? Uma resposta poderia ser: publicar um livro ilustrado.


Quem será o responsável por isso? Eu mesma.


Quando? Definir uma data é a melhor maneira de não deixar para depois.


Como? Aí entra o modus operandi.


Por quê? Aqui os motivos variam de pessoa a pessoa. Mas isso também é relevante para que a execução siga de forma a atingir o objetivo.


Measurable (Mensurável) – É bom que você tenha uma quantidade que possa mostrar seu progresso. Ex: Produzir 30 ilustrações, produzir 1 ou 2 livros, etc.


Achievable (Atingível) – Eu tenho os recursos? Tenho habilidades? Em caso negativo, o que preciso para atingir o meu objetivo? Preciso aprender algo?


Realistic (Realista) – é um objetivo realista? Você está engajado para atingir esse objetivo?

Outra variação para R seria relevante. Isso que tenho como objetivo é relevante para mim? Porque, se não for, por que dedicar tempo a algo que não é importante? Hoje em dia o tempo que dispomos é escasso.


Time-Bound (Temporal) – Quando pretendo chegar a esse objetivo? Qual a data que defino para isso? Se não definimos uma data, dificilmente faremos o esforço para chegar lá. Vamos deixando para depois, e acabamos priorizando outras coisas. Ou seja, procrastinamos.


Os objetivos e todas essas técnicas que existem são muito bonitas. Mas não podemos ficar somente nisso. Temos que partir para a AÇÃO, dar o primeiro passo, depois o segundo, e outros em seguida. Vejo muitas pessoas que desejam fazer algo e, infelizmente, passam-se os anos e não deram nem um passo em direção ao que queriam. AÇÃO é a palavra-chave.


Converso com pessoas dos mais variados nichos. Querem abrir um negócio, mas tem receio de iniciar, sempre deixando para o futuro. Não tenho tempo, é a desculpa. Mas o tempo está passando, a vida está passando. Se queremos ter determinada profissão, temos que adquirir as habilidades, fazer um curso, um workshop, treinar, produzir…


Para finalizar, deixo a pergunta? O que você vai fazer hoje, de fato, para dar mais um passo em direção ao seu objetivo? 😉

0 visualização