Talento, você nasce com ele ou o adquire?

Quem não desenha, diz que os desenhistas nascem com talento. E quem desenha, garante que é possível aprender a desenhar. Quem está certo? Vamos fazer algumas 'conjecturas' a respeito...


Como já mencionei, quem não desenha, geralmente diz que os desenhistas nascem com talento. Eu já ouvi sobre gente que desenha bem desde cedo, que dizem não ter estudado nada (pelo menos não formalmente). Mas há milhares de casos de pessoas que aprenderam a desenhar e o fazem com maestria. Então, esses que desenhavam mal e agora desenham bem, nasceram com talento? Será que estava escondido?


Há um filme com a Sandra Bullock - Um sonho possível - em que ela adota um rapaz e, como ele tem o porte para ser um jogador de futebol, a família insiste que ele deve aprender a jogar. Ele não jogava nada, não tinha nenhum talento, e já era até considerado 'velho' para aprender. No entanto, ele não só aprende a jogar, como também se destaca. O filme é baseado na vida real e - atualmente - esse jogador é ainda muito famoso. E aí, como explicar o talento nesse caso?


Dizem que Picasso tinha muito talento. Estudei sobre Picasso durante a faculdade de Artes. Ele era filho de um pintor considerado mediano. Então, será que Picasso superou o pai, ou teve vantagens porque cresceu num ambiente onde tinha recursos, liberdade para criar, 'estudou' informalmente, teve orientação do pai e também mais tempo para se desenvolver enquanto ainda era criança?


Numa das aulas que ministrei no meu Worskhop, falei sobre o que eu acredito que seja talento.



Talento é, pra mim, quando uma pessoa une o seu interesse, a prática, e vai adquirindo conhecimentos sobre o assunto, ou seja, vai se aperfeiçoando.


Quem nasce com talento, portanto, na minha opinião, nasce com um interesse em determinado assunto, com vontade de fazer e aprender algo, e isso faz com que a pessoa foque mais naquilo. Se alguém nasce com interesse em desenho, não vai passar parte de sua infância desenhando? A prática vai trazer mais facilidade e, consequentemente, a vontade de saber mais sobre o assunto vai levar ao aperfeiçoamento.


Se você acha que não desenha bem, que não nasceu com talento, será que o que lhe falta não é só se dedicar mais ao mesmo, como também aprender mais técnicas, praticar mais, e até refazer alguns desenhos que não gostou? Retrabalhar algo que desenhou é uma prática constante dos ilustradores profissionais.


E, se você já tem uma certa aptidão para o desenho, o que lhe falta? Você já tem o interesse, só precisa praticar e se aperfeiçoar, aprendendo tudo o mais que puder. Os mestres da Renascença focavam todos os dias em aprender novas técnicas. Quem somos nós para descartar o estudo e aperfeiçoamento, seja em que área for?


Por fim, creio que discutir se uma pessoa tem talento ou não para desenhar é tirar o foco do que realmente é importante. Se alguém tem interesse, se dedica (prática) e foca no aperfeiçoamento (conhecimento & desenvolvimento de habilidades e técnicas), com certeza essa pessoa vai se desenvolver, não importa a área em que deseja atuar.


Concluindo - Todo desenhista e ilustrador com quem já conversei concorda: é possível aprender a desenhar e ilustrar. E eu vejo isso todos os dias!




105 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo